28-10-2015 - 16:18

Câmara de Irati agora tem Programa Parlamento Jovem

O Legislativo de Irati é o mais novo a adotar o Programa Parlamento Jovem, que tem como objetivo principal formar jovens lideranças para atuarem em sua comunidade. Na Associação de Câmaras Municipais do Noroeste de Santa Catarina (Acanor), três Casas de Leis já possuem o programa, enquanto que as outras cinco estudam o projeto para implantar até 2016.

De acordo com o coordenador do programa na Câmara de Irati, Marcos Matievicz, as eleições foram realizadas no dia 22 de outubro e participou somente a Escola de Educação Básica (EEB) Celso Rila, sendo à única que atendeu as especificações da idade, 12 a 15 anos. Foram 14 candidatos que serão diplomados na próxima semana, dia 3 de novembro, às 15h. A posse dos nove vereadores mirins eleitos acontecerá no dia 10 de novembro. O mandato será de um ano, contando de abril a dezembro de 2016, com seis sessões ordinárias.

Para o presidente do Legislativo de Irati, Alcir Ferrari, todos os vereadores concordaram em implantar o Programa Parlamento Jovem por entenderem que isso serve de incentivo à juventude. A falta de credibilidade da sociedade nos políticos também é o que motiva ações diferentes. “Com jovens preparados haverá a certeza de um futuro mais promissor”, diz ele. O custo financeiro programa é extremamente baixo quando comparado com a riqueza de conhecimento oferecido aos jovens que se propõe a participar dele.

Preparação

A Escola do Legislativo da Assembleia Legislativa de Santa Catarina (Alesc) visitou, no segundo semestre deste ano, todas as Câmaras Municipais da Acanor que ainda não tinham o Programa Parlamento Jovem, instruindo e fornecendo material de apoio. Depois, o secretário executivo da Acanor, Éderson Hermann, reuniu-se com secretários de Câmaras e representantes de escolas para, juntos, formarem o planejamento de adesão do programa. O Legislativo de Irati é o primeiro a ter o programa depois destes encontros.